Casa Paulo Vella

Consolação - São Paulo - Brasil

“Morar é algo muito pessoal, vai desde o momento em que você se resguarda para ficar consigo mesmo até receber seus melhores amigos e familiares, mas tudo isso em um mesmo lugar.” – Paulo Vella.

O apartamento de 80m² localizado no Baixo Augusta tem vista para o futuro Parque Augusta e está perto da atraente vida boemia paulistana. Essa região me atraiu pela diversidade de teatros, cinemas e restaurantes, conta o advogado Paulo Vella. Ao arquiteto Gustavo Palma pediu que o projeto do apartamento tivesse uma base neutra para receber peças garimpadas e futuros garimpos, pois para ele, seu apartamento é uma metamorfose, gosta de mudar móveis e acessórios constantemente.

Na sala de jantar: pendente Tolomeo – Artemide, banco em cortiça, mesa de jantar – Estar Móveis e o sofá da Líder Interiores. Quadro do lado esquerdo – Leandersson.

Duas peças garimpada por Paulo: vitrola da década de 1960 e carrinho de avião da Varig.

Detalhe da vitrola recuperada.

Na parede da sala: engrenagens da Desmobilia e fotografias da Analogic Eye (Rodrigo Ramos). Mesa lateral Tok&Stok.

Poltronas LCW – Charles e Ray Eames, abajur 1879 – designer Alberth Diego.

Relógio de Pendulo – herança da avó.

Revestimentos Decortiles, liquidificador Oster e pratos Tok&Stok.

Jogo de cama Trousseau.

Móvel industrial da Desmobilia.

Cadeira Desmobilia e bicicleta – Tito Urban.

Cabideiro – Estar Moveis.

Poltrona Cecilia Dale e mesa lateral Tok&Stok.

Paulo na ilha da cozinha onde adora receber.

Retrato dos donos da casa: Paulo Vella e o cãozinho Shih-tzu – Fred.

Por que a casa do Paulo é Casa dos Outros? Porque recebe bem móveis e acessórios garimpados.

English

“Living is something very personal, it goes from the moment you take refuge to stay with yourself until you receive your best friends and family, but all in one place.” – Paulo Vella.

The 80m² apartment located in Baixo Augusta overlooks the future Parque Augusta and is close to the attractive bohemian life of São Paulo. This region attracted me to the diversity of theaters, cinemas and restaurants, says lawyer Paulo Vella. The architect Gustavo Palma asked that the project of the apartment had a neutral base to receive garimped pieces and future garimpos, because for him, his apartment is a metamorphosis, he likes to change furniture and accessories constantly.

– In the dining room: Tolomeo pendant of Artemide, bench in cork, Estar Móveis  dining table  and the sofa of the Líder Interiores. Frame on the left by Leandersson.

– Two pieces pawned by Paulo: 1960s phonograph and Varig airplane trolley.

– Detail of the recovered phonograph.

– On the wall of the room: gears of Desmobilia and photographs of Analogic Eye (Rodrigo Ramos). Side table is from Tok&Stok.

– Armchairs LCW – Charles and Ray Eames, lamp 1879 – designer Alberth Diego.

– Pendulo Clock – Grandma’s Heritage.

– Coatings Decortiles, Oster blender and Tok&Stok dishes.

– Trousseau bed set.

– Industrial furniture of Desmobilia.

– Chair of Desmobilia and Tito Urban bicycle.

– Estar Móveis Coat rack.

– Cecilia Dale armchair and Tok&Stok side table.

– Paulo on the kitchen island where he loves to receive.

– Portrait of the owners of the house: Paulo Vella and the shih-tzu dog Fred.

Why is Paul’s house the Casa dos Outros? Because it receives well furniture and accessories panned.

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Notify of
avatar
wpDiscuz